Translate Fabiana Rasta´s Blog

Aperta o Play e ouça a RayCompany Web Rádio

13 de jun de 2012

A periferia e o trabalho na segunda-feira

No meu trabalho na segunda,enquanto acompanhava os alunos ao parque,ouvi uma conversa que me trouxe muitas reflexões,haja visto,que trabalho na burguesia,bem na elite de São Luís e então,sempre estou atenta ás atitudes e pensamentos deles para entender o mundo no qual estou trabalhando mas nao faço parte.
Então,uma das minhas chefas perguntou á um senhor que sempre presta serviço á empresa:
-Ei e aquele negócio que eu lhe pedi,o senhor fez?
Então ,ele veio com a mão na cabeça,com uma feição meio desconcertada e disse:
-Ôoo....a senhora vai me desculpar mas ESSE POVO DE PERIFERIA NÃO TRABALHA DIA DE SEGUNDA pq a cachaça não deixa,já liguei para o rapaz e já fui até na casa dele mas ele disse que não daria  pq ontem foi jogo e ele bebeu demais,tá de ressaca!
Nossa!!Eu fiquei logo no ar,pensando mil e uma coisas,não to questionando aqui se houve preconceito,até porque não foi isso que me chamou atenção e sim o fato de saber que muitas pessoas da periferia faltavam o serviço na segunda,algo que eu periférica não sabia!kkkk
Cheguei  a um consenso mental e refleti: PQ A PERIFERIA FALTA NO TRAMPO DIA DE SEGUNDA?
E sei que isto é verdade,pois uma pesquisa com colegas lá do trabalho mesmo,perguntando se conheciam muitas pessoas da periferia que faltavam algum tipo de obrigação na segunda e duas me disseram que era verdade mesmo.Uma professora me relatou que o caseiro do sítio da família dela,ao menos umas duas segundas-feiras ,era certeza ele faltar por ressaca e a secretária disse que quando se faziam obras na casa dela,os trabalhadores sempre faltavam na segunda.
Creio que há dois lados há serem compreendidos nesta situação,o primeiro é q esta periferia é na maioria das vezes, tão sofrida de tantos descasos como:saúde,segurança,saneamento básico,emprego,comida,lazer intelectual...que quando decidem se divertir para esquecer sua mazelas,acabam ultrapassando os limites do próprio corpo;E o segundo lado que serve até como  um conselho aos meu irmãos periféricos,é que não podemos descuidar dos nossos compromissos profissionais e se concentrar apenas no lazer da vida pois se assim for,nunca se sairá da periferia para desfrutar de igual para igual com a elite,os prazeres de uma vida confortável financeiramente.
Foi muito interessante ter podido descobrir e refletir sobre algo,ainda que eu não estivesse na conversa e também deixar um empurrãozinho para minha galera da periferia não faltar ao trabalho na segunda devido á ressaca, pois precisamos vencer e unidos jamais seremos vencidos! AVANTE PERIFERIA!

Um comentário: